Estado tem 219 mil empresas ativas, desse total, quase 86% é representado por microempreendimentos.

Durante o primeiro semestre deste ano, o Amazonas registrou a abertura de 22.172 mil empresas sendo que mais de 96% dos novos negócios foram microempresas. Os dados são do Mapa de Empresas do Governo Federal.

O indicador mostra, ainda, que de janeiro a junho quase 10 mil empreendimentos fecharam as portas, a maior parte composta por apenas um empresário.

O estado possui 219.014 mil empresas ativas, desse total, quase 86% é representado por microempreendimentos, a maioria do setor varejista de artigos do vestuário e acessórios.

Confira os dez segmentos com maior número de empresas em atividade:

Tipo de empreendimento N° de empresas em atividade
Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios 13.534 mil
Comércio varejista de mercadorias, com foco em produtos alimentícios (minimercados, mercearias e armazéns) 12.144 mil
Restaurantes e similares 6.717 mil
Promoção de vendas 6.520 mil
Cabelereiros, manicures e pedicures 5.523 mil
Lanchonetes e similares 5.138 mil
Preparação de documentos e serviços especializados de apoio administrativo 3.853 mil
Comércio varejista de bebidas 3.784 mil
Fornecimento de alimentos preparados para consumo domiciliar 3.407 mil
Comércio varejista de materiais de construção 3.011 mil
Comércio varejista de comésticos, produtos de perfumaria e de higiene pessoal 2.912 mil
Fonte: Mapa de Empresas/Gov.br

Empresas abertas por meio do Inova Simples

O Inova Simples, apelidado de ‘MEI para startups’, é um regime especial destinado a regular as empresas inovadoras caracterizadas por iniciativas de melhoria incremental ou com efeito de alterações ou suspensões.

Mais de 100 empresas em atividade contam com o apoio do Inova Simples. Só este ano foram abertas 31 por meio de incentivos do programa, no Amazonas.

O serviço dispensa a ida presencial do empreendedor a cartórios ou juntas comerciais e gera o número de CNPJ imediatamente após o pedido, permitindo à nova empresa começar as atividades no mesmo dia.

O negócio poderá funcionar sem licenças e alvarás enquanto o registro definitivo não sai. Empresa já constituída, com registro e CNPJ, não pode se inscrever no Inova Simples.

Para se tornar oficialmente um Empresa de Simples de Inovação, os interessados ​​devem preencher um formulário online no portal Gov.br.

Fonte: Real Time 1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui