O Serviço Social da Indústria (SESI Amazonas) deu o pontapé inicial para a temporada 2023/2024 do Torneio SESI de Robótica First Lego League (FLL), a ser realizado nos dias 17 e 18 de novembro, no SESI Clube do Trabalhador, com a entrega de um Kit Lego para a Escola Municipal José Sobreira Nascimento, localizada na Comunidade Nossa Senhora de Nazaré, zona ribeirinha de Manaus, há 20 minutos do Porto Marina do Davi.

A entrega foi feita pela gestora da Escola SESI Dra. Emina Barbosa Mustafa, Ana Karina de Holanda, e os professores Jefferson Ítalo Silva, Ana Caroline da Silva e Nicanor Tiago Antunes aos professores da escola ribeirinha, para treinamento da equipe participante do Torneio SESI de Robótica FLL, ainda em processo de seleção, para competir com as demais escolas públicas e privadas em Manaus.

De acordo com a gestora da escola SESI, Ana Karina, a intenção é levar a robótica para mais locais, atingir não apenas os ribeirinhos, mas também as zonas rurais e indígenas. “Nossa intenção é trazer mais escolas municipais e estaduais para participar do Torneio SESI de Robótica para que todas cresçam em conhecimento”, destaca a gestora.

Segundo a professora Maria Ozenilda de Lima, gestora da escola municipal, já pretendia trazer a robótica para a escola. Ela acredita que a robótica pode transformar a vida dos alunos. “Os alunos vivem numa comunidade carente de tudo, carente de formação, eles só têm a escola e quanto mais coisas nós pudermos trazer para superar isso, para ajudá-los a crescer, melhor”, frisa Lima.

Os professores, que participaram da entrega e treinamento dos kits, ficaram impressionados com a robótica e todas as habilidades que serão trabalhadas com os alunos. De acordo com o professor de geografia, Ronaldo Pereira, o impacto de um projeto como esse não será apenas nos pequenos, mas também nos professores, que irão utilizar todos os conhecimentos adquiridos em suas matérias.

“Eu vejo a robótica como algo bastante construtivo e desafiador, além de trazer inovação para nós, alunos e toda comunidade ribeirinha. Participar de um evento como esse é fantástico, principalmente para o aluno que, ao sair daqui para a área urbana e se deparar com outros alunos, já poderá trocar experiências. Isso é bom e gratificante para a gente”, disse ele.

A escola tem basicamente 90% dos seus professores vindos de Manaus, que se deslocam, diariamente, da Marina do Davi, em bote fretado pela Prefeitura de Manaus. Segundo o professor de geografia, eles têm um desafio logístico para chegar à escola, sendo necessário pegar a lancha, às 6h20, para chegar em pelo menos, às 6h50, na escola e começar as aulas, às 7h.

Na escola têm alunos da própria comunidade Nossa Senhora de Nazaré, da Comunidade do Ovelha, Comunidade São João, próximo ao Museu do Seringal, em ramais espalhados pela comunidade e Manaus. Ao todo, aproximadamente 270 alunos, da educação infantil ao 9º ano do ensino fundamental, serão beneficiados com a experiência do Torneio SESI de Robótica.

O Torneio SESI de Robótica FLL

O Torneio de Robótica FLL segue o formato de competições esportivas, no qual são avaliadas e premiadas as equipes que mais se destacam nas categorias Projeto de Pesquisa (inovação, apresentação e processo de pesquisa), Design do Robô, Core Values (inspiração, trabalho em equipe e gracious professionalism™) e Desafio do Robô.

Para participar, deve-se formar uma equipe com crianças ou adolescentes, de 9 a 15 anos de idade, com 4 a 10 competidores. A equipe precisa ainda da mediação de um técnico adulto e pode contar também com um mentor.

Como acontece em todos os anos, o desafio é baseado em um conjunto de problemas do mundo real, os mesmos vivenciados por profissionais como cientistas e engenheiros. Após o lançamento dos desafios, em setembro, as equipes já devem se preparar para 4 categorias de avaliações e participar do Torneio de Robótica.

A equipe, que queira participar dos torneios oficiais, deverá se inscrever para competir em torneios regionais, diretamente com o SESI. Os melhores são selecionados para a etapa nacional. Para mais informações entre em contato pelo e-mail jefferson.almeida@sesiam.org.br ou escolasesialeixo@sesiam.org.br.

Fonte: FIEAM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui