A Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), por meio do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Manaus (Simmmem), estendeu a Rio Preto da Eva (a 80 quilômetros de distância de Manaus) a ação solidária que vem desenvolvendo contra a pandemia ao doar 100 cestas básicas para famílias necessitadas no município. No total, 700 famílias, incluindo as da zona rural do município, foram beneficiadas no sábado com as doações da indústria e da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) de Rio Preto da Eva e da empresa SM Construtora.

 

Para evitar aglomeração e deslocamento das famílias beneficiadas, moradoras de localidades mais distantes na zona rural do município, e de idosos com doenças crônicas e acamados, a Semas vai entregar a maior parte das doações em domicílio ao longo da semana. A secretaria reuniu no Ginásio Poliesportivo Dayson Siqueira Pinto, no centro da cidade, somente os beneficiados que puderam se deslocar ao local para receber a cesta básica. Ao todo, 150 pessoas, um representante por família, foram contempladas.

“Esse é um momento difícil e muito delicado para todos nós. O Sindicato (das Indústrias Metalúrgicas) está nos ajudando, junto com outros parceiros, a vencer essa situação. A população, recolhida em suas casas, muitas vezes chega a ser afetada também na renda e nas oportunidades de trabalho. Nós sentimos isso juntos e através desses auxílios podemos ajudar a enfrentar essa crise”, declarou o prefeito de Rio preto da Eva, Anderson Souza.

O apoio da FIEAM, mediante doações das indústrias do Polo Industrial de Manaus (PIM), também foi relembrado pelo prefeito como importante para o enfrentamento da pandemia no município. “Ao longo desse período de Covid-19 estamos entregando, por meio da equipe da Semas, kits de higiene pessoal em casa, na comunidade rural do município e nos hospitais e unidades básicas de saúde (UBS), contendo álcool em gel e máscaras. As doações vieram das indústrias Magistral, Brasil Norte, Atem e Inova”, contou ele.

Para o envase de álcool em gel, o município recebeu 15 mil frascos de 250 e 500 ml das empresas Magistral e Brasil Norte Bebidas. Já a Videolar doou as tampas plásticas para o fechamento das garrafas do produto. De acordo com o vice-presidente da FIEAM e presidente do Simmmem, Nelson Azevedo, as indústrias do Amazonas estão unidas para ajudar a população em meio a pandemia.

“Hoje é mais uma das iniciativas das indústrias do PIM em meio ao que estamos vivendo com o coronavírus. São inúmeras as ações de solidariedade feitas desde março, como as entregas de alimentos e de equipamentos de proteção individual. Cabe a cada um de nós ser agente multiplicador desses cuidados e protocolos recomendados pelos órgãos”, ressaltou Azevedo.

O município de Rio Preto da Eva já registrou até sábado, segundo o prefeito, 620 casos e 11 óbitos causados pelo coronavírus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui