O Sindicato dos Trabalhadores e das Indústrias Metalúrgicas encerrou a negociação coletiva com vigência de 01/08/2023 a 31/07/2025. O resultado prevaleceu com a via negocial, já tradicional entre as partes, evitando litígios de parte a parte que atenuam a relação amistosa e respeitosa já existente e que deve se consolidar entre a empresa e o trabalhador.

“Outros pontos igualmente relevantes poderiam ser destacados, de cunho exclusivamente social, mas que demonstra a preocupação das empresas com a sua força de trabalho, oferecendo segurança, conforto e estabilidade para seus empregados e dependentes”, avaliou o presidente do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Manaus – SIMMMEM, Nelson Azevedo.

Alguns pontos fixados nesta Convenção que foram aprovados foram o serviço social aos empregados afastados por doença; equilíbrio na dieta alimentar com a participação de cardápios balanceados e acompanhamento de Nutricionista; campanhas contra o desperdício de alimento (PRATO LIMPO) e destinação adequada de seus resíduos; racionalização dos recursos com cesta de alimentos na busca por melhores preços e qualidade dos produtos; programas junto com as operadoras de saúde para campanhas de saúde mental no ambiente de trabalho; compromisso com os planos e assistência médica nos campanhas e tratamento de empregados e dependentes do transtorno do espectro autista (TEA).

Desfecho positivo

“Foi possível demonstrar com esse desfecho positivo que o compromisso de uma negociação transparente e justa entre empresas e trabalhadores se fortaleceu e se fortalece com o passar do tempo, ao mesmo tempo que, é possível observar maturidade e respeito na forma negocial entre seus interlocutores, o que torna o mecanismo adotado veio para ficar e se efetivar”, destacou o presidente do SIMMMEM.

Fonte: Comunicação SIMMMEM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui